terça-feira, 27 de outubro de 2015



Acordo: PMDB terá duas secretarias no governo de W.Dias; veja detalhes

PMDB TERÁ DUAS SECRETARIAS NO GOVERNO
O PMDB vai ganhar duas secretarias no governo do Estado. A informação é de uma fonte palaciana com pedido de reserva. As tratativas estão sendo feitas entre o governador Wellington Dias, o ministro Marcelo Castro, presidente do partido e o presidente da Assembleia Legislativa, Temístocles Filho. Não há, ainda, definição de quais pastas serão entregues aos peemedebistas. Mas, o que se sabe em bastidores, é que serão duas secretarias grandes e fortes. Uma por indicação de Marcelo e a outra da cota dos deputados. Essa parceria faz parte do plano do governador Wellington Dias de ter o PMDB em sua base com apoio integral de todos os deputados.

* Notícias diversas

ELEIÇÃO
A entrada do PMDB oficialmente no governo tem também, outro objetivo: a eleição e 2016. Os dois partidos devem fazer aliança em diversos municípios, inclusive na capital. Não se sabe quem será cabeça de chapa.

DISPUTA
O PMDB vai ser a noiva da eleição de 2016 em Teresina. A nomeação de Marcelo Castro para ministro da Saúde, fortaleceu o partido que, se não tiver candidato próprio na capital, será disputado para alianças. Na convenção sentaram-se lado a lado, o governador Wellington e o prefeito Firmino.

PRIMEIRA HORA
“O PMDB é nosso aliado histórico e de primeira hora”, disse o governador em entrevista a imprensa ao chegar a sede do partido para a reeleição de Marcelo Castro. Os dois desceram do mesmo carro oficial do governo do Estado após solenidade em Karnak.

DAS ENTRANHAS
Mas, o prefeito Firmino Filho não deixou barato. Ao ser entrevistado pela coluna foi pontual para explicar a relação com os peemedebistas. Fala Firmino: “ nossa relação como PMDB é genética e umbilical. O PSDB, nasceu de um costela do PMDB. Já tivemos até um vice-prefeito do PMDB”. Essas almas querem reza e muita reza.

TODO MUNDO É ALIADO DO PMDB
Na convenção que reelegeu o ministro Marcelo Castro presidente do PMDB do Piauí, chamou a atenção, a quantidade de presidentes de partidos presentes. Estavam lá dentre outros: Marden Menezes(PSDB), Pedro (PT), Celso Henrique(PPS), Júlio Arcoverde(PP), Júlio César(PSD), Flávio Nogueira(PDT), além dos avulsos, deputados, vereadores e prefeitos de vários partidos grandes e pequenos.

AMIGO DE INFÂNCIA
Todos destacavam as qualidades do ministro, deixando em segundo plano o partido. A resposta era sempre a mês: “sou amigo do Marcelo desde criancinha”. Teve um que disse ter jogado peteca com ele em São Raimundo Nonato.

O AVIÃO DO LULA
“Alguém viu o avião que trouxe o Lula ao Piauí?” A pergunta é do deputado Heráclito Fortes. Ele disse que tão logo aterrissou, o avião foi escondido no hangar do governa do Estado e coberto com uma lona. Segundo o parlamentar, para ninguém vê o nome da empresa, a Global Empreendimentos, conhecida nacionalmente.

LAGARTOS
O Hospital de Picos foi construído para suporte na 2ª guerra mundial. Hoje, tem 77 médicos na folha, mas, somente 21 trabalham diariamente, segundo apurou o Ministério Público.

PROTESTO
O Coletivo das Mulheres de Teresina, vai promover uma manifestação pública, em protesto pelo que aconteceu dentro de um restaurante da zone leste da capital, quando uma mãe foi hostilizada pro um cliente porque estava amamentando o filho.

É LEI
Aos desavisados: existe uma Lei de autoria da vereadora Teresinha Medeiros(PPS), através da qual, estabelecimentos públicos e privados são obrigados a reservar um espaço para mães que, ali estando, desejem amamentar seus filhos.

AGORA VAI
O Piauí vai relativamente bem no cenário nacional. Temos o Ministro da Saúde, Marcelo Castro, o presidente nacional da Funasa, Henrique Pires, um Conselheiro no Conselho Nacional de Justiça, Norberto Campelo, um desembargador no Tribunal Regional Federal da 1ª Região, Dr. Kássio Nunes, o presidente nacional da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coelho, o presidente nacional do PP, senador Ciro Nogueira e o presidente nacional da Fundação Ulisses Guimarães, Moreira Franco.

FESTA RIVERINA
A vitória de 2x0 sobre o Ypiranga neste sábado deixou a torcida piauiense em festa. Estamos a 90 minutos da decisão do título da série D. Com o mesmo futebol que jogou sábado, o Galo pode voltar do Rio Grande do Sul já festejando o posto de vice.

TELÕES PELA CIDADE
No próximo jogo, sábado, a cidade vai parar para assistir pelo canal Esporte interativo, a segunda partida contra os gaúchos. Bares e restaurantes se programam para oferecer as clientes e torcedores telões coma transmissão.

RIVER CAMPEÃO
A torcida do River está ouriçada. Se o galo passar pelo Ypiranga, os riverinos estão crentes na conquista do título da série D. “Botafogo da Paraíba, Icasa e Sampaio Correia conseguiram, porque nós também não podemos?”, indagam os tricolores.

CAMPEONATO INDÍGENA
O governador Wellington Dias trabalha para trazer para o Piauí o campeonato internacional indígena de 2017. Dias esteve na abertura dos jogos deste ano em Campo Grande.

NOTAS & NÓTULAS
*Os ambulantes fizeram a festa antes do jogo do River no Albertão. Houve uma invasão de camelôs vendendo camisas, bandeiras e bandeirolas do galo.

*Além deles, vendedores de arrumadinho e caipirinha se de deram bem. Em tempos de crise, é o futebol movimentando a economia informal.
*Dilma foi vaiada na abertura dos jogos indígenas no Mato Grosso.
*A Comissão de Combate as Drogas da OAB/PI, realiza dia 28 deste, no auditório da Escola de Advocacia, debate sobre a Descriminalização das drogas no Brasil. A partir das 14h30.
* A Associação dos Permissionários da CESASA, reclama que há quatro meses não recebe o repasse financeiro da instituição. Desse jeito vai fechar.
Autor: Pedro Alcântara



Nenhum comentário:

Postar um comentário