sábado, 31 de outubro de 2015

Lucídio Portella,ex-governador do PI e pai de Iracema, morre aos 93 anos

O ex-governador sentou na cadeira e apagou. Médicos ainda tentaram socorrê-lo

Morreu na tarde no início da noite  desta sexta-feira (30/10) o ex-governador do Piauí, Lucídio Portella, pai da deputada federal Iracema Portella.

no-1-300x250e
Morreu na tarde no início da noite  desta sexta-feira (30/10) o ex-governador doPiauí, Lucídio Portella, pai da deputada federal Iracema Portella.
Aos 93 anos, Lucídio estava aparentemente bem de saúde nos últimos dias. Nesta tarde, como de costume, foi para a Clínica Lucídio Portella, onde costumava passar as tardes, até que sentiu uma dor abdominal forte.
O ex-governador sentou na cadeira e apagou. Médicos ainda tentaram socorrê-lo, mas foi em vão.
família está acertando os detalhes para o velório, que deve acontecer na Assembleia Legislativa do Piauí.
Lucídio governou o Piauí por quatro anos, de março de 1979 a 1983. Nascido na cidade de Valença do Piauí em 1922, ele era o irmão mais velho de Petrônio Portella.
Formado em Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro e com pós-graduação em Radiologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Lucídio integrava a Associação Piauiense de Medicina.
Aos 93 anos, Lucídio estava aparentemente bem de saúde nos últimos dias. Nesta tarde, como de costume, foi para a Clínica Lucídio Portella, onde costumava passar as tardes, até que sentiu uma dor abdominal forte.
O ex-governador sentou na cadeira e apagou. Médicos ainda tentaram socorrê-lo, mas foi em vão.
família está acertando os detalhes para o velório, que deve acontecer na Assembleia Legislativa do Piauí.
Lucídio governou o Piauí por quatro anos, de março de 1979 a 1983. Nascido na cidade de Valença do Piauí em 1922, ele era o irmão mais velho de Petrônio Portella.    Formado em Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro e com pós-graduação em Radiologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Lucídio integrava a Associação Piauiense de Medicina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário