sábado, 31 de outubro de 2015

Sepultamento do ex-governador Lucídio Portella será às 12h


O corpo do ex-governador do Piauí, médico Lucídio Portella Nunes, 93, será sepultado as 12h deste sábado, 31 de outubro. Antes, o enterro estava marcado para s 16 horas, mas, a família decidiu antecipar, tendo em vista a questão do clima. Portela morreu na tarde desta 6ª feira, 30, em Teresina, na clínica do seu filho e que leva o seu nome após uma sessão de hemodiálise. Ele sentiu uma dor abdominal e não resistiu. O velório continua no sala deputada Francisca Trindade na Assembleia Legislativa.
Durante toda a noite, e madrugada, dezenas de amigos e políticos compareceram para dar seu último adeus ao chefe politico. Irmão do ministro Petrônio Portela, falecido em 1980, Lucidio governou o Piauí de 79 a 83 com mão de ferro. Seu maior legado é a honestidade. Governou com competência e austeridade e não permitia desmandos. O sepultamento será no cemitério da ressurreição.

Notícias diversas:

ZÉ FILHO SAI DO PMDB ATIRANDO E ASSUME PPS
O ex-governador Antônio José Moraes Souza Filho, o Zé Filho deixou mesmo o PMDB. E saiu atirando. Sobrou até para a Assembleia legislativa. Criticou o PMDB em nível local e nacional. Disse que não entende porque a sigla rapidamente, se jogou nos braços do governador Wellington Dias. “Não posso ficar num partido, que há 12 meses disputou uma eleição contra o governador e agora se joga nos braços dele. Tenho vergonha disso, bem como, da Assembleia Legislativa, da qual fiz parte enquanto deputado, que hoje tem 42 parlamentares, dos quais, somente dois fazem oposição e um faz de conta. Vou para o PPS para comandar a oposição neste Estado. Quem quiser e tiver coragem, me acompanhe. O PMDB perdeu sua essência aqui e nacionalmente. Nivelou-se ao PT ao lhe dá cobertura. Nesse jogo sujo eu não fico”.

VAI PARA O PPS
Por telefone, o ex-governador confirmou a coluna que, vai para o PPS e chega na condição de presidente no lugar de Celso Henrique que, por sua vez, presidirá o Diretório de Teresina. Nesta 4ª feira, Zé Filho se reuniu em Brasília, com o deputado Roberto Freire(PPS/SP) presidente nacional, com que acertou sua filiação.

TRAJETÓRIA
Filho do ex-deputado(falecido) Antônio José Moraes Souza e sobrinho do ex-governador Mão Santa, Zé Filho governou o Piauí de abril a dezembro de 2014. Começou sua trajetória política como vereador de Parnaíba pelo PSDB. Foi presidente da Câmara e depois prefeito da cidade.

ELEIÇÃO
Derrotado na reeleição pelo petista Wellington Dias, Zé Filho retornou a presidência da Federação das Indústrias do Piauí.

GRUPO TODO
Por telefone, o ex-governador confirmou que leva todo o seu grupo entre prefeitos, vereadores, amigos e correligionários. A filiação contará coma presença do presidente Roberto Freire.

DEPUTADA JULIANA
Perguntado sobre sua esposa, deputada Juliana Moraes Souza(PMSDB), Filho explicou: “ela é oposição e só vai sair do partido quando abrir a janela, ou seja, em 2018, ano da reeleição”.

DESTAQUES
Sobre a relação de piauienses com destaque em Brasília, vale lembrar aqui Felipe Mendes, presidente nacional da CODEVASF e Carlos Augusto Brandão, magistrado, cujo decreto de promoção de juiz para desembargador federal do TFR da 1ª Região já está assinado, faltando apenas a publicação.

NO CADASTRO
As famílias que ocuparam imóveis no residencial Jacinta Andrade e que invadiram a Agencia de Desenvolvimento Habitacional (ADH), receberam da equipe do governo a garantia da inclusão em nova etapa do programa Minha Casa Minha Vida. Segundo a ADH, os imóveis já tem donos, inclusive, com contratos assinados na Caixa econômica Federal.

BODE EXPIATÓRIO
É tão grave a crise no Brasil que, os medicamentos genéricos sofreram reajustes. Há casos, acredite, em que eles estão mais caros do que os originais. .OPERAÇÃO “CURTO-CIRCUITO”

Está em gestação na CHESF/ Piauí uma ligação de alta tensão. Trata-se de um processo licitatório para terceirizados. Ainda não começou. Mas, já vazou a informação de que gira em torno de R$ 8 milhões. Se o fato se consumar, vamos publicar aqui todos os detalhes. Em tempo: o Gerente interino ainda não foi ouvido sobre o assunto.
O TROCO
Na entrevista desta 5ª feira na TV Antena 10, o deputado Fábio Xavier, presidente regional do PR do Piauí, ironizou seu colega de partido, deputado Silas Freire. Na 2ª feira, Freire disse que Fabio não apita nada no Diretório Municipal. Fala Fabio: “Na política, a gente as vezes, divide espaço com quem não gosta. O Diretório estadual comanda todos os municipais, inclusive o de Teresina”.

PAROU PORQUÊ?
A obra da terceira ponte Juscelino Kubistchek está parada porque foi embargada pelo Ministério Público a pedido das entidades de defesa do meio ambiente. A informação é do secretario de Transportes do Estado, Guilhermano pires.

NOTAS & NÓTULAS
*O vereador Inácio Carvalho(PP), vai propor na Câmara Municipal, Audiência Pública para debater a situação dos estádios Lindolfo Monteiro e do Albertão. Finalmente.

*O River não vai jogar de olho no regulamento. Vamos pra cima para liquidar a fatura no campo de jogo.” Flávio Araújo, técnico do galo, falando sobre o jogo deste sábado em Erechim.
*O vereador Edson Melo anunciou que vai apresentar projeto de lei, obrigando ar condicionado nos ônibus de Teresina. Mas, só no dia 1º de fevereiro de 2016. Ah, bom!

Na entrevista desta quinta-feira (29/10) na TV Antena 10, o deputado Fábio Xavier, presidente regional do PR do Piauí, ironizou seu colega de partido, deputado Silas Freire.

Na segunda-feira, Freire disse que Fabio não apita nada no Diretório Municipal.

Fala Fabio: “Na política, a gente as vezes, divide espaço com quem não gosta. O Diretório estadual comanda todos os municipais, inclusive o de Teresina”.

Autor: Pedro Alcântara

Nenhum comentário:

Postar um comentário