sábado, 2 de janeiro de 2016


Agora lascou: Quem tiver bens incompatíveis com os rendimentos vai para a cadeia

O Ministério Público Federal conseguiu no encerramento do ano passado o número de assinaturas suficientes para enviar ao Congresso Nacional um pacote de dez medidas contra a corrupção, que passam a ficar mais rígidas.
Um dos itens, se for aprovado pelos congressistas e virar lei, estabelece a prisão de 3 a 8 anos e confisco de bens que se mostrarem incompatíveis com os rendimentos.
E bem aqui que muitos agentes públicos poderão ir pra cadeia. Boa parte deles, assim que assume cargos, fica rico da noite pro dia, acumulando patrimônios e fortunas incompatíveis com seus salários. Não será necessário a comprovação da corrupção.
Conforme as medidas, serão maiores as  dificuldades para a anulação de processos, bem como se tornará mais fácil a recuperação de recursos desviados. O bicho vai pegar muita gente “boa”.



Nenhum comentário:

Postar um comentário