sábado, 23 de janeiro de 2016

Desvendamos o mistério da peladona de Porto Alegre Em entrevista ao Diário Gaúcho, Pâmela contou porque gosta de andar nua pelas ruas da Capital
Desvendamos o mistério da peladona de Porto Alegre Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Pâmela é natural de Soledade e mora há quatro anos em Porto AlegreFoto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBJeniffer Gularte
Há pouco mais de um ano, uma peladona chama atenção por circular pelas ruas da Capital. O Diário Gaúcho identificou a identidade da desinibida. Pâmela Bahls, 21 anos, garante que tem fetiche em sair nua. Ela trabalha em um salão de beleza, mas sonha em atuar na tevê. Em entrevista ao DG disse sempre foi desinibida e que não quer ser reconhecida pelo trabalho, mas por seus atributos físicos. 


Por que tu anda pelada pelas ruas de Porto Alegre?
Eu faço porque eu gosto, é um fetiche meu. Eu quero ficar conhecida, por isso que eu faço. Meu sonho é ir para o Pânico (da TV, programa da Band), fazer matéria lá. Já tentei entrar em contato com eles, mas não deu.


Quantas vezes tu saiu pelada em Porto Alegre? E em quais locais?
Cinco vezes aqui e uma em Capão da Canoa. A primeira vez foi no Gasômetro, depois caminhei duas vezes na Avenida Ipiranga, também no Moinhos Shopping e essa semana (passada) perto do estádio do Inter.








Nenhum comentário:

Postar um comentário