domingo, 24 de julho de 2016

NOTÍCIAS   DIVERSAS: PIAUÍ- BRASIL


Cociente eleitoral de Teresina será de 14 mil votos; veja regra para suplente


Concluído o trabalho de biometria, a cidade de Teresina contabiliza 531 mil 953 eleitores. Os dados são do Tribunal Regional Eleitoral. Com base nessa informação e tendo como parâmetro o pleito de 2012, considerando a abstenção de 100 mil votos daquele ano, o quociente eleitoral da capital para 2016, deve ficar em 14.000 votos para eleger um vereador. Não havendo coligação, o partido entrando na disputa com chapa pura, terá que alcançar esse percentual dentre os votos válidos para eleger ao menos um representante para a Câmara Municipal.
A NOVA REGRA DO SUPLENTEA mini reforma política realizada pelo Congresso ano passado, alterou a regra para suplentes. Antes, qualquer candidato que entrasse na disputa sairia dela como suplente, desde que seu partido elegesse um parlamentar.
NOVA REGRA 2Agora mudou. Mesmo que o partido eleja um ou mais parlamentares, a figura do suplente só aparece a quando o candidato não eleito atingir pelo menos 10% dos votos válidos. No caso de Teresina, equivale a 1.400 votos.
NOVA REGRA 3De acordo com a nova regra, para ser suplente, o candidato primeiro tem que torcer para que o seu partido eleja pelo menos um candidato proporcional e. Depois, ele, o suplente, tem que ter alcançado 1.400 votos, ou seja, 10% do quociente eleitoral.
DR. ANTÔNIO LOPES NO TRENesta 2ª feira, toma posse o novo juiz do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí, Dr. Antônio Lopes. Trata-se, de juiz de Direito, concursado, de carreira. Para refrescar a memória dos esquecidos, o Dr. Antônio Lopes é aquele que cassou o mandato do prefeito de Teresina Elmano Ferrer. Lembram?
MEMÓRIAA Ação foi movida pelo Ministério Público contra a chapa Sílvio Mendes(PSDB)/Elmano Ferrer(PTB), por condutas vedadas na eleição de 2008. Mendes renunciou em 2010, para se candidatar ao governo do Estado. Elmano assumiu e pouco tempo depois foi cassado pelo juiz Antônio Lopes
ESCAPOUDa cassação, Sílvio Mendes escapou porque já não tinha mais mandato. Sobrou para o vice Elmano investido no cargo de prefeito. Cassado em 1ª instância, Elmano recorreu ao Tribunal Regional Eleitoral que anulou a decisão monocrática.
HONRANDO O CARGOPortanto, o TRE ganha com achegada do Dr. Antônio Lopes, um juiz que honra a toga e o juramento que fez quando tomou posse na carreira de magistrado. A sociedade penhoradamente agradece.
ACOMPANHAMENTOFace as mudanças das regras eleitorais, os partidos políticos devem contratar um advogado e um contador para orientação nos quesitos jurídicos e de contabilidade. Muita coisa mudou na legislação e qualquer falha pode ser fatal para prejudicar os candidatos.
MPF: ASSESSORIA OMITE NOME DE MAGISTRADOSToda vez que um juiz federal do Piauí, condena alguém, a assessoria do MPF divulga a notícia e omite o nome do magistrado. Aliás, a matéria começa dizendo que o MPF através do Procurador fulano, conseguiu a condenação de cicrano na 1ª, 2ª, ou 3ª Vara Federal. Mas não dá o nome do juiz. Porque será?
A QUEM INTERESSA?Os tucanos estão se perguntando: quem está trazendo para Teresina Guardas Municipais de outras cidades para falarem da nossa Guarda Municipal e qual o interesse? Ora, simples: é o PTB para tentar inviabilizar a campanha do prefeito Firmino. Alguma dúvida?
ELEIÇÃO EM LUIZ CORREIASão três candidatos: a prefeita que que é do PP e tenta a reeleição, o ex-prefeito Kim(PSB), que deseja voltar e o Delegado Eduardo Ferreira(PSD), que é um debutante no pleito. Quem ganha? Eis a questão. Aqui, em 1992, um candidato único levou uma surra dos votos brancos. Portanto, tudo pode acontecer, inclusive nada.
ELEIÇÃO EM UNÃO TEM BRIGA DE FAMÍLIAPrego batido, ponta virada. O médico Paulo Henrique(PSD) será o candidato da oposição contra o prefeito Gustavo Medeiros(DEM) na cidade de União com o apoio do PT. Detalhe: os dois são primos e a irmã de Paulo é a vice de Gustavo.
ELEIÇÃO EM TIMONO candidato da oposição, deputado Alexandre Almeida(PSD), conseguiu o apoio da ex-prefeita Socorro Waquim(PMDB). Agora, ele tem ao seu lado 12 partidos. Interpelado sobre o assunto, o pai do prefeito, que já foi prefeito, Chico Leitoa, deu risadas e ironizou: “essa turma é a mesma que nós derrotamos em 2012. A diferença é que, agora, eles estão juntos no mesmo palanque”.
Ah, bom!
MORRE UM LÍDERA morte do médico pediatra Antônio Noronha representa uma perda irreparável para todos, familiares, amigos, colegas e para a comunidade de um modo geral. O Dr. Noronha tinha um uma grande característica: sabia liderar. E fazia isso de uma forma leve, sem causar constrangimentos. Prefeito, secretario, Presidente da Fundação Antares, mas, antes de tudo, um cidadão. Entrou e saiu da vida pública de mãos limpas.
NOTAS & NÓ TULAS
*A OAB/PI vai promover redução do valor da anuidade para advogados idosos a partir de 60 anos. Quem chegar aos 70, será dispensado de pagar.
*O único documentário da passagem do Papa João Paulo II perlo Piauí está nos arquivos do Dr.. Antônio Noronha. É uma fita VHS que já deve estar em pen drive e DVD.




Nenhum comentário:

Postar um comentário