sexta-feira, 19 de agosto de 2016


A importância do 18 de agosto de 1762: 254 anos da instalação da Vila de São João da Parnahiba.

                                      Uma data a ser reverenciada
Em 1759 foi criada a Capitania de São José do Piauí e em 1762, em meses variados foram instaladas sete Vilas: a da Mocha, que logo se tornou capital da Província (Oeiras), a de São João da Parnahiba, a de Santo Antônio de Surubim (Campo Maior), A de Marvão (Castelo), a de Parnaguá, a de Jerumenha e a de Valença. Ali foi o início do Piauí. É por isso que elas devem ser exaltadas, haja vista serem a origem de tudo. 
Todas essas hoje, cidades, com exceção de Parnaíba comemoram o aniversário da cidade na data da instalação da vila.
Mas por qual motivo a data da vila é mais importante que a data da cidade? Quem me respondeu a esta indagação foi o professor da UFPI, historiador Fonseca Neto (de Oeiras), e que não morre de amores por Parnaíba. Por ocasião de uma visita que fiz ao Museu do Piauí em Teresina o conheci pessoalmente. Após conversarmos sobre outros assuntos ele falou que não entende porquê Parnaíba não segue o importante e oportuno exemplo das outras cidades originárias. Ele afirma que Parnahiba foi emancipada com a instalação da Vila, por possuir o Senado da Câmara, a Cadeia e o Pelourinho. Para ele a data da elevação da Vila à categoria de cidade não tem nenhuma importância, a não ser um simples registro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário