quinta-feira, 17 de novembro de 2016


Idealizada por Alberto Silva a barragem de Castelo será licitada dia 29 no INDEPI com orientação do TCU

Postado por Tomaz Teixeira 


As informações são do Deputado Antônio Felix, um dos mais atuantes eResultado de imagem para Deputado Antônio Felix picompetentes parlamentares do Legislativo do Piauí. A barragem de Castelo um dos sonhos do maior governador do Piauí de todos os tempos Alberto Silva, finalmente vai se concretizar.

Essa licitação será acompanhada por técnicos do TCU que nortearão a licitação, que vai definir recursos da ordem de R$ 370 milhões, recursos alocados pelo PAC -2. Leia-se: Governo Dilma Roussef.
Lembro que Alberto Silva quando do seu segundo governo, de 1987 aResultado de imagem para governador Alberto Silva1990, chegou a promover as indenizações dos proprietários da mega área a ser inundada pela gigante barragem de Castelo.

Esse importante acontecimento merece alguns esclarecimentos para que se tenha uma dimensão do tamanho e do valor da obra. O sonho de Alberto Silva será concretizado, pois, a gigante barragem de Castelo, Resultado de imagem para barragem de Castelo,  piauivai gerar 40 megawatts de energia hidrelétrica, como sonhava o grande governador que administrou o estado por dois mandatos e que no último dia 10 de novembro completaria 97 anos.
Vale esclarecer, que o Rio Poti, dentro do território cearense, de onde ele nasce na Serra da Ibiapaba, (Serra Grande), até a divisa com o Piauí, possui 13 barragens para a retenção Resultado de imagem para  grandes barragens no rio poty no territorio cearense  das águas perenes do majestoso Rio, uma riqueza incomensurável, dentro do sertão nordestino, pelo fato de ser perene, isso graças a essas barragens promovidas pelos governos do Estado do Ceará. Para tristeza dos piauienses, dentro do território do Piauí, a barragem de Castelo, será a primeira, entre a divisa do Ceará com a embocadura do Rio no encontro das águas em Resultado de imagem para  grandes barragens no rio poty no territorio cearense  Teresina, ao desaguar no Parnaíba. Isso mostra o quanto os cearenses são previdentes e responsáveis com a retenção de grandes lagos, de reservatórios d´água, dentro do território cearense, enquanto no Piauí, a falta de visão empreendedora  e futurista de nossos políticos, agora que teremos a primeira barragem no Rio Poti, onde viveu o nosso lendário, Cabeça de Cuia.
A concorrência da barragem de Castelo no próximo dia 29 no INDEPI vai gerar para o Piauí, um espelho d’água da ordem de 60 km, gerando uma mega área para irrigação de fruticultura em larga escala e mega canteiro para criação de peixes em tanques rede.
A barragem de Castelo vai armazenar o volume d’água de cerca de 2.8 bilhões de metros cúbicos M/3. O suficiente, para garantir a condição de rio perene, para atender, a todas às exigências, dos diversos e importantes projetos, a serem criados, dentro do perímetro e margens do rico Rio Poti.
A barragem terá a garantia de uma Comporta de Emergência, com retenção de 900 milhões de litros.
Cabe à sociedade piauiense, fazer uma definição crítica de cobrança aos nossos políticos, pela falta de visão empreendedora, pois, enquanto em território cearense o POTI possui 13 barragens, no nosso sofrido eResultado de imagem para  grandes barragens no rio poty no territorio cearense  quente Piauí, agora que vamos construir a primeira barragem no rio do lendário Cabeça de Cuia de Teresina. Isso reflete o quanto nossos políticos são despreparados e neófitos em termos de projetos necessários e inerentes ao nosso desenvolvimento.
De parabéns o nobre deputado Antônio Félix, que tem se constituído no mais atuante e competente parlamentar do Poder Legislativo do Piauí.
Esse sonho do ex-governador Alberto Silva, que projetou a primeira e mega barragem para o Rio Poti e fazendo a parte inicial do projeto, quando promoveu a indenização dos proprietários de toda área a ser alagada, no chamado ponto básico, para essa vitória desse grande feito. Uma obra financiada pelo Governo Federal, dentro do planejamento do PAC-2. Daí reconhecer finalmente a primeira grande obra estruturante dentro dos três períodos de Governo de Wellington Dias, que finalmentemarcará fortemente a passagem do governador petista, pelo Palácio de Karnak.
São projetos dessa magnitude, que aos poucos vão transformando o Piauí, no mais rico estado do nordeste, pois em potencial, poucos têm condições de competir conosco, em solo fértil, água em abundância no solo e subsolo, minérios, do calcário, passando pelo ouro, diamante, petróleo,  gás e a mega área de cerrados que muito enobrece o nosso estado e fortalece a nossa economia.
Acorda Piauí! Somos ricos sim, mas, pobres de políticos de visão empreendedora. Daí muitas saudades do grande ícone: Alberto Silva.
É a nossa vibrante informação e opinião de hoje, doa a quem doer.  





Nenhum comentário:

Postar um comentário