quarta-feira, 21 de dezembro de 2016


Seca ameaça os belos cenários das lagoas de Jijoca de Jericoacoara

A falta de chuvas causa estragos em Jijoca de Jericoacoara, litoral oeste do Ceará, um dos locais mais visitados por turistas no Brasil. A Lagoa do Paraíso, Lagoa Azul e outras estão secando. Quem visita o local se surpreende com os efeitos da estiagem. “Fiquei chocada ao saber que essa lagoa (Lagoa Azul) era para estar aqui perto de mim, onde nós estamos. Uma coisa que é belíssima, porém, fica aos poucos entristecedora”, afirma a turista do Paraná, Walderez Carvalho Abraão.
O visitante argentino tirou algumas fotos, mas, segundo ele, as imagens não serão tão boas quanto as que viu na internet. “Infelizmente a foto que eu tirei vai ficar bem diferente do que eu vi na internet”, lamentou.
A situação das lagoas compromete a economia do local. Segundo o comerciante, Nilton César Gomes, se não chover e as lagoas secarem, o jeito será buscar outras atrações para os turistas. “No caso, se secar total não tem outra atração senão as dunas”, afirmou.
Muitos restaurantes que ficam perto da Lagoa Azul estão fechando as portas. O gerente Tony Gleisson teve de cortar a metade do quadro de funcionários. Mesmo com seca e crise financeira, a pousada espera superar as dificuldades. “Esperamos muito que chova. Mesmo com a crise e com a lagoa seca esperamos retomar a economia temporada boa”, disse.
A meteorologista Meire Sakamoto, da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), diz que as chuvas que ocorreram nos últimos dias em todo o Ceará podem significar condições favoráveis para uma boa quadra chuvosa para região.
“As condições que a gente vem observando nos últimos dias é que esse sistema chamado de "Cavalo de Altos Níveis" permaneça pelos próximos dias. Então existem condições favoráveis para que sejam observadas precipitações naquela região. Não sei o suficiente para recuperar a lagoa, as lagoas que estão com os níveis muito baixos. Mas existem sim condições favoráveis”, disse a meteorologista.



Nenhum comentário:

Postar um comentário