domingo, 27 de agosto de 2017


Turista de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, criticou em rede social, a cobrança de taxa de "turismo sustentável", no valor de R$ 5,00 por dia de permanência na Vila de Jericoacoara.
De passagem por Jijoca de Jericoacoara, o turista diz que está mudando o roteiro, que tem muitos outros lugares interessantes para conhecer, que não cobram nada.
Em 01/08, a secretaria de finanças do município expediu ofício circular aos hotéis, pousadas e similares comunicando a implementação da taxa, conforme diz a lei complementar n° 107/2015.
 
 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário